MAGNÍFICO REITOR DA UNIROVUMA VISITA EXTENSÃO DE NIASSA

O Magnífico reitor da Universidade Rovuma disse ontem, na Cidade de Lichinga, ser intenção da instituição que dirige manter uma Universidade forte e que vai ao encontro dos anseios daquilo que as populações almejam para as suas regiões.

O Prof. Doutor Mário Jorge Brito dos Santos falava num encontro com os docentes, professores e funcionários técnicos administrativos durante a sua visita à Extensão da Universidade Rovuma.

Brito dos Santos explicou aos presentes que o estatuto de Extensão vai ser extinto na Universidade Rovuma e, para isso, vai se fazer a revisão dos estatutos que estejam de acordo com a legislação vigente no País.

Ele acrescentou que todos devem ser envolvidos na discussão de tudo que esteja relacionado com os interesses da UniRovuma. Segundo Brito, há algumas lacunas que impedem a nomeação de outros quadros da instituição, apontando, por exemplo, a indicação dos directores adjuntos das Extensões.

“Vamos trabalhar e peço que todos participem nesta tarefa que vai ajudar a todos nós para o bem da nossa Universidade”, disse Brito dos Santos, acrescentando que “temos que estar na vanguarda de uma Universidade que esteja ajustada aos padrões internacionais".

O Magnífico reitor explicou, por outro lado, falando daquilo que é a vida da Universidade no seu todo, que as receitas estão a baixar, principalmente na Extensão de Niassa que decresceu consideravelmente a sua arrecadação de receitas.

Para Brito dos Santos, é necessário que os docentes e todos funcionários se envolvam na cobrança de receitas. “É necessário que a Extensão se envolva directamente na cobrança de receitas e temos que diversificar a forma de cobrança desses valores”, acrescentou dos Santos.

A UniRovuma vai iniciar com obras de beneficência para os estudantes em todas as suas Extensões e a directora dos Serviços Sociais avançou que há intenções de se contratar uma empresa que faça esses serviços, pois é uma exigência da Comissão Nacional de Avaliação e Qualidade.

“Queremos providenciar os mínimos cuidados de assistência sanitária aos nossos estudantes e isso podemos conseguir implementar a partir do próximo ano”, explicou a directora da Direcção dos Serviços Sociais da UniRovuma, dra. Mónica Calande.

Por outro lado, Brito dos Santos afirmou que é necessário que a Universidade se organize para se avançar na massificação do desporto nas instituições de ensino superior. Segundo o reitor, é preciso relançar o desporto em todas modalidades, incluindo cultura e arte.

Segundo Brito dos Santos, o desporto e a arte fazem parte da vida das universidades existentes em todo o mundo, daí que a Universidade Rovuma não pode ficar alheia a essa movimentação. “Neste momento, estamos em reuniões, ao nível das nossas instituições, para relançar esta prática, constituindo, até, clubes universitários para todas as modalidades possíveis”, acrescentou Brito dos Santos.

O Magnífico reitor visitou ainda ontem o Centro de Pós-graduação e o curral de caprinos existente na Extensão de Niassa. Brito dos Santos visitou Niassa no mês de Maio, depois de ter estado na Extensão de Cabo Delgado e no Instituto de Turismo, Transportes e Comunicações de Nacala.


Imprimir   Email